O Espírito Santo Clama: mas afinal, qual é minha paixão?

Promova missões nas redes sociais
Não fostes vós que escolhestes a mim; pelo contrário, eu vos escolhi a vós outros e vos designei para que vades e deis frutos, e o vosso fruto permaneça” - João 15:16

INTRODUÇÃO
Pense e responda: e eu, onde Deus me quer? Onde servirei ao Senhor? Essa é uma resposta complicada para aqueles que querem servir na igreja, mas não descobriram sua vocação e o seu dom. Deus fez você para um determinado propósito, e a sua realização só será completa ao cumpri-lo - quando estiver dentro do plano de Deus. Uma coisa é certa: você deve servir para glorificar a Deus e para edificar-se pessoalmente atuando ao seu próximo.

Você crescerá no serviço cristão quando estiver atuando na área relacionada ao propósito de Deus e quando descobrir sua paixão ministerial.

O QUE É PAIXÃO MINISTERIAL?
Para Bill Hybels, paixão ministerial é o desejo dado por Deus que nos impele a fazer diferença num determinado ministério. A paixão nos ajuda a saber onde servir e nos dá o estímulo necessário para continuar servindo a Deus. Agora, pense: o que apaixona você e o motiva no serviço do Senhor?

POR QUE TEMOS PAIXÃO POR DETERMINADO MINISTÉRIO?
Deus o trouxe à existência para servi-lO, de tal forma que o nome dEle seja glorificado, e a Igreja de Cristo, na terra, seja abençoada. É Ele quem coloca no seu coração a paixão por um determinado ministério e por um certo serviço, na igreja. Quando você recebe a salvação em Cristo e se dispõe a uma vida de santidade, acontece a sua separação para o serviço ministerial.

Para que você saiba “onde”, “em que área” Deus o quer servindo, essa paixão lhe é dada. Ela é que vai fazê-lo descobrir, identificar o “onde” servir ao Senhor. Esse “onde” pode se referir a um espaço geográfico ou a um ministério na própria igreja ou mesmo um campo missionário.

Agora, pense: por que você tem paixão por determinado ministério?

COMO DESCOBRIR SUA PAIXÃO MINISTERIAL?
A descoberta da sua paixão e a atividade no ministério certo o levarão a se sentir realizado e a ser mais frutífero no desempenho da tarefa a que se propuser. Isso o levará a atingir o objetivo do serviço cristão: servir a Deus atuando também como bênção ao próximo. Uns têm grande facilidade em descobrir a sua paixão, pois ela se manifesta muito precoce e claramente.

Samuel foi chamado muito cedo. Moisés e Paulo demoraram um pouco para descobri-la. Para outros, essa manifestação é mais tardia, e não é tão fácil identificá-la. Há aqueles que chegam a passar por uma crise, pois não conseguem detectar o alvo da sua paixão.

E, então! Como descobri-la? É fácil! É onde está seu coração, seu pensamento, seu prazer, seu entusiasmo, seu interesse, o assunto de suas conversas, o seu amor maior. Aí está a sua paixão! 

Agora, pense: se você tivesse todas as condições (físicas, espirituais e materiais) para fazer algo no ministério cristão, o que gostaria de fazer?

ONDE ESTÁ SUA PAIXÃO MINISTERIAL?
A paixão ministerial responde as perguntas: “Onde Deus me quer?”, “Onde servirei ao Senhor?”.

A seguir, há algumas perguntas que têm como objetivo ajudá-lo a descobrir a sua paixão ministerial. Responda-as para si mesmo com o coração aberto, e isso poderá ajudá-lo naquilo que procura:

– O que você mais gosta de fazer na igreja e o que lhe dá maior prazer?
– Em que ministério você quer servir ao Senhor?
– Em que atividade da igreja a liderança lhe pede ajuda?
– Qual o assunto ministerial que mais o atrai?
– Qual o trabalho que você executou com muita satisfação, ao final, se sentiu muito realizado? 

CONCLUSÃO
Na conclusão desta reflexão, fica um trecho da poesia “Cântico dos Cânticos”, na qual Myrtes Mathias expressa a sua paixão ministerial. Você é capaz de identificá-la?

“Não quero que Ele duvide do meu amor. Por isso, até que Ele volte, ou me mande buscar, trabalharei para fazer maior o Seu Reino. Alargarei o lugar da Sua tenda; hospedarei os estrangeiros, vestirei os nus, alimentarei os famintos, consolarei os tristes, visitarei os presos, socorrerei os doentes, ensinarei aos simples, salvarei os que estão sendo levados para a morte. A todos anunciarei o Seu reino, o Reino de Deus”. Agora, você.

Onde Deus o quer? Onde servirá ao Senhor? A minha paixão ministerial está no Ministério…essa é a sua resposta.

O Espírito Santo clama: por obreiros apaixonados e prontos para a seara.

Autor: Pr. Carlos Alberto Braga de Araujo, da IB Romão - Vitória
>>

www.missoesestaduais.com

Campanha de Missões Estaduais 2015
O Espírito Santo Clama, quem responderá?

0 comentários:

Postar um comentário

 

MISSIONÁRIOS dos batistas capixabas

Copyright © 2015 Missões Estaduais
Ministério de Missões e Evangelismo
Convenção Batista do Estado do Espírito Santo
Coordenação do MEVAM por Pr. Keiny Moreira
Criação e marketing da campanha por Pr. Jullyander de Lacerda
Template distribuído Gratuitamente